Mosteiro Trapista - Nossa Senhora do Novo Mundo
 
Menu
 
 

Untitled Document

Nossa vida

A vida trapista é orientada totalmente para a experiência do Deus vivo. É contemplativa.

Chamado por Deus, o Trapista se consagra integralmente a buscá-lo tendo o Evangelho por guia, vivendo-o segundo a Regra de São Bento, sob um abade, e em uma comunidade que é escola de caridade fraterna. Por possuírem os irmãos um só coração e uma só alma, todas as coisas lhes são comuns.

Afastado do mundo, o Trapista purifica seu coração mediante a Palavra de Deus, a oração e uma ascese libertadora que o fazem humilde e obediente à semelhança de Cristo.

Nada Antepor ao Amor de Cristo (RB 4)

A vida monástica é uma vida consagrada a Deus, que se exprime no equilíbrio entre solidão e vida em comum, oração e trabalho.

Fraterna, laboriosa e escondida, a vida trapista se abre ao amor de Cristo e à ação do Espírito Santo.

Uma Misteriosa Fecundidade Apostólica

A fidelidade á vida monástica está intimamente associada ao zelo para com o Reino de Deus e a salvação de todo o Gênero humano. Os monges têm no coração esta solicitude apostólica.

O mosteiro é sinal da presença transcendente de Deus entre os homens. A forma dos monges participarem na missão de Cristo e sua Igreja é sua própria vida contemplativa.

A comunidade não realiza obras de apostolado fora do mosteiro.

  • Horários

    2:45 - Levantar-se
    3:00 - Vigílias (ofício divino)
    4:00 - Oração pessoal, meditação, leitura. Café da manhã.
    6:00 - Laudes (ofício divino) com Missa.
    7:00 - Ação de graças. Preparação para os trabalhos.
    7:45 - Terça (ofício divino)
    8:00 - Trabalho
    12:15 - Sexta (ofício divino)
    12:30 - Almoço. Tempo livre.
    14:00 - Noa (ofício divino)
    14:15 - Trabalhos ou estudos, aulas, reuniões.
    17:15 - Vésperas (ofício divino). Jantar. Tempo livre - leitura, conferências.
    19:15 - Completas (ofício divino)
    19:30 – Repouso

    Nos domingos e solenidades - Missa às 10:00h da manhã.